Entrevista: Veganismo com Luíza Brando

Convidamos a paulistana Luíza, modelo da nossa campanha Tempo de Magia – onde trazemos a Coroa Santuário apoiando a causa animal do Santuário Vale da Rainha – para um papo sobre veganismo e seu estilo de vida.

CAN CAN: Luiza, foi um verdadeiro encontro você ser o rosto de uma coleção que traz a Coroa Santuário como apoio a causa animal e o trabalho de resgate do Santuário Vale da Rainha. Como embaixadora e apoiadora do veganismo, por favor, nos conte mais do seu trajeto?
LUÍZA: Meu trajeto começou quando tinha mais ou menos uns 16 anos, que foi quando resolvi encarar o vegetarianismo por ter uma ligação muito forte com animais. Não precisei ver documentário, só sabia que uma pessoa que ama tanto bichos não poderia se alimentar de seus corpos. Fiquei mais ou menos uns 4 anos como ovolactovegetariana, fui me descobrindo, descobrindo o ativismo, me informando e o veganismo aconteceu de forma bem natural. Quanto mais eu me informava, mais meu jeito de pensar mudava.

CAN CAN: Você é super engajada no veganismo. Quando aconteceu este despertar e o que te levou a adotar o veganismo como estilo de vida?
LUÍZA: Acredito que meu despertar aconteceu quando pensei mais e parei de adiar a mudança de não comer animais. Às vezes é muito confortável ficar onde a gente está, mesmo sabendo que é errado. E o que me levou a adotar o veganismo como estilo de vida foi primeiramente o amor pelos animais, todos eles e pelo nosso planeta/natureza e também pelo teor social e político que o veganismo carrega.

CAN CAN: Quais foram as maiores dificuldades que você enfrentou durante a transição?
LUÍZA: Eu sempre digo que independentemente de fazer transição pro vegetarianismo ou veganismo, a parte mais difícil é sempre as pessoas, o social. São nesses momentos que percebemos que pessoas privilegiadas são extremamente mal informadas e intolerantes. Lidar com comentários e críticas infundadas é a parte mais difícil. Mas no veganismo senti muito mais dificuldade do que no ovolactovegetarianismo, por exemplo. A parte de tirar derivados da alimentação é bem complicada, a gente de fato desenvolve uma dependência química, mas que pode com certeza ser superada com bastante informação e força de vontade. Quanto mais o tempo passa, mais fácil fica.

CAN CAN: Desde que você se tornou vegana, teve algum momento (ou vários) em que você duvidou da pertinência do veganismo? E o faz com que você continue firme neste caminho?
LUÍZA: Jamais duvidei da pertinência do veganismo, principalmente nos tempos em que estamos vivendo. Eu já fui a pessoa que fala que nunca viveria sem queijo (risos) porém, com o tempo entendi que veganismo têm relação com desmatamento, poluição, tortura, fome… tantas coisas que poderia listar aqui o dia inteiro. É um movimento extremamente necessário pro mundo e que vejo os benefícios todos os dias. Você sabia que sendo vegano, você salva a vida de um animal por dia? E é por todos esses motivos que sigo firme, por mais que seja difícil alguns dias.

CAN CAN: Quais dicas você poderia dar para alguém esteja pensando em se tornar vegano?
LUÍZA: A primeira delas é: informação; assista documentários, leia portais, revistas, qualquer coisa. Com informação você vai saber o porquê está fazendo isso e terá argumentos. A segunda é força de vontade, têm dias que são difíceis mesmo e tá tudo bem, o importante é não cair na tentação senão não sairemos de um ciclo vicioso. A terceira é pra não ir com muita “sede ao pote”; se você não é vegetariano ainda, comece cortando as carnes e depois passe pros derivados. Cortar tudo de uma vez dificilmente será sustentável a longo prazo, a gente não é de ferro e não é fácil viver num mundo carnista.

CAN CAN: O que você considera mais importante nesta conquista além de viver uma vida Livre de crueldade animal?
LUÍZA: Com o ativismo entendi o impacto que a nossa influência pode ter na vida das pessoas. A gente é uma grande corrente! Independentemente de trabalhar com internet, sei que influenciaria quem está ao meu redor e as pessoas do meu meio influenciam o meio delas e assim por diante… E isso é mágico. Não duvide do seu poder de mudar o mundo, uma pessoa no final são várias. Obrigada pelo cantinho! Foi ótimo responder às perguntas 💛

Para apoiar o causa do Santuário Vale da Rainha, você pode adquirir a coroa Santuário no nosso shop ou fazer sua doação através da conta:
Santander 33
AG 0214 – CC 01025281-4
CPF 103.129.428-77 – Patrícia Varela Favano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *